Parceiros

Construindo Cidades Resilientes se refere a construção de uma ampla rede de alianças para a redução do risco de desastres. Cada parceiro da campanha promove a resiliência urbana em suas áreas de influência.

O que fazer se você e...

Uma associação de gobernos locais:

    • Priorizar a redução do risco de desastres dentro de sua agenda.   

    • Criar alianças com UNISDR para estabelecer contatos com outras autoridades locais.

    • Fornecer apoio para a implementação da campanha ao nível local.

Um governo nacional:

  • Estabelecer e promover plataformas nacionais multissectoriais para a redução do risco de desastres, que incluem governos locais ou suas associações.  

  • Prestar atenção às questões de governação local e urbanização sustentável.   

  • Certificar que os seus ministérios e instituições têm em conta a redução do risco no planejamento e formulação de políticas.  

  • Promover o desenvolvimento económico das zonas rurais e as cidades pequenas, para reduzir a pressão da migração acelerada para áreas periféricas e favelas cidades de alto risco.

  • Estabelecer a redução do risco de desastres como uma prioridade nacional e identificar claramente as responsabilidades institucionais para a redução de risco em todos os níveis.

A ONU, uma organização internacional ou regional, ou uma ONG

    • Torne-se um parceiro de trabalho para a campanha e comprometa-se a apoiar um ou mais governos locais para aumentar a resistência frente às catástrofes.

    • Esforce-se para desenvolver melhores ferramentas e metodologias para a redução do risco urbano em torno de qualquer um dos Dez Passos Essenciais para alcançar a construçao de Cidades Resilientes.

    • Promover uma maior redução do risco urbano a nível local.

    • Incentivar uma maior participação dos agentes locais no desenvolvimento de políticas regionais e internacionais.

    • Fortalecer os vínculos entre ONGs, governos locais e organizações comunitárias.

Uma asociaçao comunitaria:

  • Fazer promoção para incentivar a inscrição do governo local na campanha.

  • Promover a participação ativa de membros da comunidade na campanha, usando publicidade e informativos.

  • Compartilhar ativamente conhecimentos e experiências locais com outros atores e apoiar atividades, tais como planejamento, avaliação e mapeamento de riscos, manutenção de infraestruturas críticas, uso mais seguro da terra e aplicação das normas de construção.

  • Compartilhar ativamente conhecimentos e experiências locais com outros atores e apoiar atividades, tais como planejamento, avaliação e mapeamento de riscos, manutenção de infraestruturas críticas, uso mais seguro da terra e aplicação das normas de construção.

  • Colaborar na medição do progresso por meio do monitoramento participativo.  

Uma agência doadora:

  • Assegurar que a redução do risco de desastres é parte de programas de planejamento e alocar o orçamento para a urbanização sustentável, a adaptação às alterações climáticas, o desenvolvimento, a assistência humanitária e programas de reconstrução na ocorrência de desastres.  

  • Financiar projetos concentrados na alimentação da resiliência das cidades.

O setor privado:

  • Verifique se o seu negócio não está aumentando o risco de desastres ou degradando o meio ambiente.   

  • Cooperar em projetos com o governo local ou com as comunidades em que a sua empresa trabalha para tornar sua cidade mais segura. Apenas uma cidade resiliente pode apoiar o crescimento económico sustentável.  

  • Alocar recursos para a realização de pesquisas e implementação de projetos de redução de risco urbano.

O setor acadêmico e as associações professionais:

  • Adaptar a agenda em ciência para enfatizar esse tema de pesquisa fundamental e promover a mais recente tecnologia para a redução do risco urbano.   

  • Introduzir processos para delinear e reduzir o risco como parte dos cursos e pesquisa em várias disciplinas, incluindo planejamento urbano.
     
  • Colaborar com os governos regionais e locais em projectos de investigação aplicada na avaliação de risco e redução do mesmo. Deve testar e aplicar seus métodos, modelos e resultados relacionados a ambientes governamentais locais.  

  • Divulgar publicamente seus conhecimentos e deixar sua experiência disponível para os governos locais e o público em geral.

Rol de los socios:

Los socios apoyaran la Campaña Mundial dentro de los límites de su organización, designando un punto focal para la campaña, elaborando planes anuales de trabajo, difundiendo información y el website de la Campaña a sus miembros, apoyando actividades específicas de la campaña y vinculando a gobiernos locales.

Junto con las ciudades participantes de la campaña, ciudades modelo, promotores y campeones, los socios promueven los objetivos y principios de la Campaña en foros locales, nacionales, regionales y globales. Los socios compartirán experiencias relevantes, buenas prácticas, herramientas, recursos e información técnica relacionados a la resiliencia urbana a través de la página web de la campaña, como en sus actividades, talleres y capacitaciones.

Papel dos parceiros

Os parceiros apoiam a campanha global dentro dos limites da sua organização, nomeando um ponto focal para a campanha, desenvolvindo planos anuais de trabalho, promovendo a divulgação de informações e do site da Campanha para os seus membros assím como apoiando atividades específicas da campanha e dos governos locais.

Juntamente com as cidades participantes da campanha, cidades-modelo, promotores e campeões, parceiros promovem os objectivos e princípios da campanha em fóruns locais, nacionais, regionais e globais. Os parceiros compartilharão experiências relevantes, melhores práticas, ferramentas, recursos e informações técnicas relacionadas à resiliência urbana através do site da campanha e as suas actividades, talleres e treinamentos.

 













EVENTOS
22 Mayo 2017 
26 Mayo 2017 

Plataforma Global para la Reducción del Riesgo de Desastres
Leer más

 

TWEETS SOBRE: